Casa Juvenal Galeno reabre com programação cultural gratuita

29 de março de 2010

Após uma ampla restauração, a Casa Juvenal Galeno, equipamento cultural ligado à Secretaria da Cultura do Estado do Ceará, reabre ao público com uma programação cultural gratuita. A proposta é oferecer uma rica programação da cultural popular tradicional com a presença de elementos como a viola, cantoria, embolada, cordel, xilogravura, artesanato e outras manifestações.

A solenidade de reabertura acontece nesta segunda-feira, dia 29, com a presença do diretor da Casa, Antônio Galeno, e do secretário da Cultura, Auto Filho. A Casa abre suas portas às 18 horas, com visita guiada, exposição de folhetos de cordel, xilogravura e artesanato. Em seguida, Antônio Galeno apresenta ao público a nova programação cultural.

Às 19 horas começam as apresentações culturais, com a dupla de violeiros Geraldo Amâncio e José Eufrásio, seguida, às 19h20min, da dupla de emboladores Marreco e Joca. Às 19h40, será lançado o folheto de Cordel de Carvalho Fonseca (Pardal), com recitação de versos pelo cordelista Paulo de Tarso. A programação encerra às 20h com o espetáculo “O Diabo no Cordel”.

Casa Juvenal Galeno – Construída em 1888 como morada do poeta Juvenal Galeno, a casa hoje abriga um cetro cultural, funcionando como ponto de encontro de várias entidades e associações culturais e abrigando uma vasta biblioteca, que soma cerca de seis mil volumes.

Instalada na rua General Sampaio, 1128, a Casa de Juvenal Galeno, construída pelo poeta em 1888 e por ele transformada em centro de cultura em 1919, é um dos palcos mais antigos da nossa história cultural, que já recebeu personalidades como Rachel de Queiroz, Euclides da Cunha e Patativa do Assaré, que, marcado pelo encontro com seu poeta maior nos verdes anos, quis nesta casa receber a Medalha do Abolição, do Governo do Estado

A casa possui dez cômodos, onde abriga um valioso acervo bibliográfico, doado por Mozart Soriano Albuquerque, e a biblioteca do próprio Juvenal Galeno, que juntos totalizam seis mil volumes. Possui dois auditórios. O principal, chamado Juvenal Galeno, tem capacidade para 120 pessoas.

Reabertura da Casa Juvenal Galeno e lançamento do Programa Ação Cultural
Dia 29 de março, 18 horas
Casa Juvenal Galeno (General Sampaio, 1128 – Centro)
Fone: 3252.3561

Sugestão de entrevista: Antônio Galeno – 9686.3009 – antonio_galeno@hotmail.com

Informações:
info@maestriacomunicacao.com.br
(85) 32762525 86789570 (Maestria Comunicação)

Jornalistas responsáveis: Bianca Felippsen – 8878.8805 / Fábio Marques – 8832.4716
Programa Ação Cultural – Março/2010

Noite da Viola
29 de março de 2010

18h00 – Abertura da Casa ao Público. Visita Guiada. Exposição de folhetos de cordel, xilogravura e artesanato;

18h30 – Apresentação da nova agenda cultural – Antônio Galeno, diretor da Casa Juvenal Galeno;

18h45 – Pronunciamento do Professor Auto Filho – Secretário de Cultura do Estado do Ceará;

19h00 – Apresentação da  dupla de violeiros – Geraldo Amâncio e José Eufrásio

19h20 – Apresentação da dupla de emboladores – Marreco e Joca

19h40 – Lançamento de folheto de Cordel de Carvalho Fonseca (Pardal); Recitação de versos com o cordelista Paulo de Tarso

20h00 – Espetáculo “O Diabo no Cordel”

Coordenação de Comunicação – Secult
(85) 3101-6761 / 3101-6759
twitter.com/secultceara
www.secult.ce.gov.br