Começam obras do CEO em Cascavel e da policlínica em Caucaia

4 de Maio de 2010

O Governo do Estado inicia esta semana a construção de mais duas unidades regionais de saúde. Na quarta-feira (5), o governador Cid Gomes e o Secretário da Saúde, Arruda Bastos, assinam a ordem de serviço para o início das obras do CEO de Cascavel, às 19 horas, na rua Projetada, s/n, esquina com Rua Lúcia Viana. Na quinta-feira (6), também às 19 horas, o Governador e o Secretário assinam a ordem de serviço para a construção da policlínica em Caucaia, na CE 090, esquina com a rua Coronel Correia.

Para a construção do CEO de Cascavel o Governo investirá R$ 1.106.430,00. Desse total, R$ 416.460,00 são do Tesouro do Estado e R$ 691.076,00 do financiamento com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). A nova unidade regional de saúde bucal vai atender a uma população de 229.247 habitantes dos municípios de Cascavel, Chorozinho, Horizonte, Ocara, Pacajus e Pindoretama.

Na policlínica de Caucaia serão investidos R$ 5.528.673,08, sendo R$ 2.080.992,55 do Tesouro do Estado e R$3.447.680,53 do financiamento com o BID. A população da 2ª microrregião de saúde soma 554.478 habitantes dos municípios de Apuiarés, Caucaia, General, Itapajé, Paracuru, Paraipaba, Pentecoste, São Gonçalo do Amarante, São Luís do Curu e Tejussuoca.

No CEO regional de Cascavel, a população da microrregião de saúde passa a receber assistência especializada em saúde bucal. Serão oferecidos serviços de ortodontia, periodontia, endodontia, cirurgias, próteses, incluindo também diagnóstico do câncer de boca. As pessoas com deficiência serão acolhidas e receberão o tratamento em estrutura adequada no novo CEO.

A policlínica vai garantir acesso a 13 especialidades para a população da microrregião de Caucaia: oftalmologia, otorrinolaringologia, clínica geral, cirurgia, cardiologia, ginecologia, mastologia, gastroenterologia, urologia, traumato-ortopedia, endocrinologia, neurologia, angiologia. A unidade terá acesso ainda a serviços de radiologia, mamografia, ultrassonografia, endoscopia, ergometria, eletrocardiograma, audiometria, ecocardiografia,endoscopia respiratória, eletroencefalograma e a exames de tomografia computadorizada. 

Cinco Centros de Especialidades Odontológicas regionais, do total de 17, já foram concluídos pelo Governo do Estado, através da Secretaria da Saúde do Estado. As novas unidades fazem parte do Programa de Expansão e Melhoria da Assistência à Saúde do Estado do Ceará, que inclui ainda os dois hospitais regionais em construção nas regiões do Cariri e Norte e também 21 policlínicas em todas as regionais do Ceará. Sete policlínicas estão com obras em fase final de construção – Baturité, Camocim, Acaraú, Pacajus, Tauá, Russas e Campos Sales.

Assessoria de Imprensa da Sesa

Selma Olivera (selma.oliveira@saude.ce.gov.br/ 85 3101.5220)