Aftosa: segunda etapa da vacinação será lançada nesta sexta-feira (5)

4 de novembro de 2010

O combate do Estado contra a febre aftosa terá mais uma etapa neste mês de novembro. Começou no último dia primeiro, em todo o Ceará, a segunda etapa da Campanha de Vacinação contra a Febre Aftosa de 2010. O lançamento oficial da campanha acontece nesta sexta-feira, no dia 5, às 9 horas, na Fazenda São Bento, no município do Crato, na Região Cariri. O objetivo é imunizar 100% do rebanho de cada um dos 184 municípios cearenses.

 

A primeira etapa foi realizada no primeiro semestre. O Ceará conseguiu mudar de classificação sanitária junto ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), passando para a zona de risco médio da doença com vacinação. Com essa conquista, as portas se abriram para o comércio da carne bovina e o transporte de animais com diversos estados do Brasil. Agora, de acordo com o secretário do Desenvolvimento Agrário do Estado, Antônio Amorim, o objetivo é que até o fim de 2010, o Ceará consiga evoluir para o status de livre de aftosa com vacinação.

 

Até o fim do mês de novembro, os pecuaristas devem colaborar e imunizar os seus animais. A dose da vacina custa, em média, R$ 1,50 e pode ser encontrada nas casas veterinárias especializadas. O Ceará alcançou índice de 87,83% de vacinação contra febre aftosa na primeira etapa da campanha deste ano, o que representa 2.127.946 animais imunizados. O Estado possui atualmente 2.508.668 cabeças de gado.

 

GTA ELETRÔNICA – Durante a solenidade de lançamento, será divulgado como está sendo a primeira etapa do processo de digitalização da Guia de Trânsito Animal (GTA), iniciado no mês de outubro pela Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Ceará (Adagri), órgão vinculado à Secretaria do Desenvolvimento Agrário (SDA). A GTA é um documento federal, de emissão obrigatória em todo território nacional, que trata do transporte de animais vivos. Nessa primeira fase, que termina na primeira semana de novembro, a sede e as 25 unidades da Adagri estão emitindo o documento eletrônico.

 

A emissão do documento feita manualmente causa uma série de transtornos, como a não simultaneidade entre a informação manuscrita e o sistema informatizado da Adagri. No entanto, com a GTA eletrônica, de acordo com o gerente de Tecnologia da Informação da Adagri, José Ivonildo Moreira Júnior, haverá uma série de benefícios, dentre os quais, a diminuição do tempo do processo; as informações sobre os rebanhos do Ceará terão mais qualidade; serão evitadas informações conflitantes entre o documento manuscrito e o que está no sistema; e a atualização simultânea.

 

A segunda etapa da implantação será realizada nos Escritórios de Atendimento à Comunidade (EACs), que são as secretaria de Agricultura dos municípios e as unidades da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ematerce), a partir de novembro. Além disso, a GTA eletrônica facilitará o deslocamento de criadores com seus rebanhos e tornará mais ágil o trabalho da SDA no controle dos deslocamentos e situação sanitária dos animais.

 

MAIS INFORMAÇÕES – Secretaria do Desenvolvimento Agrário (SDA), Av. Bezerra de Menezes, n.º 1820, (85) 3101.8000

 

04.10.2010

Assessoria de Inprensa da SDA

Jully Jeane / Kélia Jácome (jullyjeanne@hotmail.com / 85 3101.7631)