Unesco e Arce firmam parceria

8 de novembro de 2010

A Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados do Estado do Ceará (Arce),  em parceria com o Instituto de Educação para a Água (Unesco – IHE), colocará em prática o projeto de pesquisa Benchmarking for Pro-Poor Water Services Provision (Probe). Os objetivos são expandir o alcance da prestação dos serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário à população de baixa renda e desenvolver mecanismos para melhorias do fornecimento dessas  mesmas atividades. A viabilização do projeto se dará por meio de ações de mapeamento das populações que têm cobertura de saneamento deficitária. A iniciativa também propiciará o   desenvolvimento do sistema de  indicadores que expressarão  a realidade local, com  incentivos para uma melhor  prestação de serviços às populações de baixa renda.

 

Através do acordo de cooperação, a Agência Reguladora poderá trocar experiências com instituições nacionais e internacionais, contribuindo para o desenvolvimento dos trabalhos de apoio à elaboração dos planos de saneamento básico dos municípios cearenses, visando a universalização dos serviços. A inclusão da Arce no projeto ocorreu por intermédio do coordenador do Probe no Brasil,  Tadeu Fabrício Malheiros, professor da Universidade de São Paulo (USP).

 

Segundo Malheiros, a participação da Arce “foi garantida em função do  reconhecimento do trabalho realizado pela Agência no setor de saneamento”. O Analista de Regulação de Saneamento Básico da Arce, Geraldo Basílio Sobrinho, mestrando de Saneamento Ambiental na Universidade Federal do Ceará (UFC), dispôs-se a desenvolver pesquisas para o Probe – Brasil, com foco em estudos de casos no Ceará. As propostas do projeto de pesquisa serão apresentadas no Workshop Anual 2010, no período de 15 a 18 de novembro, em Delft, na Holanda.

 

08.11.2010

Assessoria de Imprensa da ARCE

Angélica Martins (angelica.martins@arce.ce.gov.br / 85 3101.1020)