Trecho da Carapinima é liberado para trânsito

9 de Março de 2011

Um quarteirão da avenida Carapinima, no trecho entre a avenida 13 de Maio e a rua Juvenal Galeno (em frente à futura Estação do Benfica), sentido Centro, foi liberado para o trânsito. O trecho havia sido interditado em julho de 2010 por conta das obras do Metrô de Fortaleza. Foram realizados no local serviços como a demolição do canteiro central existente e a construção de uma nova estrutura, deslocamento e implantação de postes de iluminação, recomposição das caixas de drenagem, execução de calçada e implantação de sinalização vertical/horizontal.

 

A Estação do Benfica é uma das quatro estações subterrâneas do Metrô de Fortaleza. Atualmente, ela tem um avanço físico de 97,41%. O Metrô de Fortaleza terá ao todo 20 estações, sendo mais 14 em superfície e duas em elevado. Atualmente, 87% das obras civis de todo o sistema foram executadas. Incluindo sistemas e material rodante, o percentual de execução é de 65%.

 

Em abril, os dois primeiros trens comprados da Itália para operar no Metrô vão entrar na fase de testes dinâmicos. Atualmente, as duas composições passam por testes estáticos no Centro de Manutenção, na Pacatuba. Os trens vão rodar num trecho de dois quilômetros entre as estações Rachel de Queiroz (antiga Pajuçara) e Virgílio Távora (antiga Novo Maracanaú), mas ainda sem passageiros. Durante esta fase, serão testados a aceleração dos carros, a frenagem, o circuito da cadeia de tração e outros itens.

 

A previsão é que em outubro, o Metrô inicie a operação assistida, período em que os trens vão circular com passageiros, mas ainda sem cobrança de passagem e em um período de tempo reduzido. Nesta etapa, que tem previsão de durar seis meses, serão feitas as aferições restantes e a adaptação dos passageiros ao novo serviço.

 

09.03.2011

Assessoria de Imprensa do Metrô de Fortaleza

Viviane Lima (viviane@metrofor.ce.gov.br / 85 3101.7183)