Defensoria Pública: Cid Gomes inaugura Alô Defensoria

29 de Março de 2011

O governador Cid Gomes inaugura nesta quarta-feira (30), às 9 horas, a Central de Relacionamento com o cidadão da Defensoria Pública do Estado, mais conhecida por Alô Defensoria. Através do número 129. A população poderá obter orientações sobre o atendimento da Defensoria, documentação necessária para apresentar ao Defensor, qual o local de atendimento adequado e mais próximo do cidadão, bem como já deixar pré-agendado o seu atendimento. O serviço irá funcionar na avenida Pinto Bandeira, 1111, no Luciano Cavalcante.

 

Essa ligação não terá nenhum custo para o cidadão. O Alô Defensoria irá funcionar inicialmente com seis telefonistas, já treinadas para que todas as informações sejam repassadas de forma clara, objetiva e detalhada para o cidadão. Ao todo serão 10 linhas em funcionamento. O cidadão poderá ligar tanto de telefones fixos, como também de aparelhos celulares.

 

De acordo com o coordenador do Alô Defensoria, Defensor Carlos Levi Costa Pessoa, esse novo serviço será disponibilizado para a população com o objetivo de facilitar e humanizar o atendimento. “O cidadão já vai para o atendimento junto ao Defensor ciente de todas as informações iniciais do seu problema. O Alô Defensoria irá diminuir as longas filas, o tempo de espera do atendimento, bem como redistribuir o número de atendimento dos Núcleos, desafogando aqueles com maior demanda, explicou Carlos Levi”.

 

O Alô Defensoria irá funcionar das 8 horas às 17 horas, de segunda a sexta-feira. Com o novo serviço, a Defensoria Geral poderá traçar um diagnóstico contendo quais os bairros que mais buscam o atendimento da Instituição, quais os principais casos, os Núcleos mais procurados e, com isso, criar novos Núcleos Descentralizados ou estruturar ainda mais os que já existem.

 

A Anatel autorizou o uso do código 129 para atendimento aos serviços prestados pelas Defensorias Públicas, em todo o território Nacional De acordo com o Ato Nº 4.882, de 25 de agosto de 2009, publicado no Diário Oficial da União do dia 31 de agosto.

 

O projeto, que contou com o apoio do Deputado Federal Mauro Benevides e da Conselheira da Anatel Emília Ribeiro Curi, procura facilitar o acesso do cidadão à Justiça, agilizando as orientações daqueles que necessitam do apoio da Defensoria Pública. Isso irá permitir um acesso rápido ao serviço. Os códigos são padronizados nacionalmente e, para ativá-los, as instituições devem contratar o serviço de telefonia com a prestadora de seu interesse.

 

Independente do local onde o usuário esteja, ele pode ligar gratuitamente para o 129. O serviço é válido para todo o Brasil.

 

29.03.2011

Assessoria de Imprensa Defensoria Pública Geral

Ana Sílvia Magalhães (imprensa@defensoria.ce.gov.br / 85 3101.4372 – 8711.3130)