Ceará é modelo a ser seguido na execução do SWAP, diz coordenador do Banco Mundial

12 de dezembro de 2011

“O Ceará é pioneiro, juntamente com Minas Gerais, e deve ser seguido como modelo pelos demais estados do Brasil, no que tange ao planejamento e execução dos projetos que envolvem verbas do Banco Mundial, via SWAP”. A afirmação é de Thomas Kenyon, que está à frente da missão do Banco Mundial que participa, desta segunda-feira (12) até a próxima sexta-feira (16), de uma série de reuniões com diferentes órgãos do Governo do Estado para discussão de metas e programas visando a implementação, até o final de 2012, do Projeto de Apoio ao Crescimento Econômico com Redução das Desigualdades e Sustentabilidade Ambiental do Estado do Ceará – SWAP III.

O encontro de integrantes do Banco Mundial com o Governo, de acordo com Thomas Kenyon, também analisa o desenvolvimento do SWAP II no Ceará, que envolve recursos de US$ 240 milhões.  O próprio crescimento do montante de recursos para o SWAP III, previstos US$ 350 milhões,  demonstra a credibilidade que o Ceará tem junto ao Banco Mundial, acrescentando que a Instituição tem “orgulho de trabalhar com o Estado”. Thomas fez questão de ressaltar a troca de experiência entre o Banco Mundial e o Governo do Estado, o que permite solucionar problemas parecidos enfrentados pelos estados que desenvolvem o SWAP.

As experiências, segundo Thomas Kenyon, permitem através da assistência técnica, por exemplo, melhorar a qualidade da gestão pública, o que ocorre em decorrência de três pilares básicos: planejamento de trabalho, implementação e monitoramento. No Ceará, o Banco Mundial participa com o SWAP há sete anos, desde o SWAP I, em 2004, que teve como meta a consolidação fiscal e o SWAP II, voltado para programa de gestão por resultado no Estado. Já o projeto SWAP III – a ser desenvolvido entre 2012 e 2015 – tem como meta apoiar o crescimento econômico com redução das desigualdades e sustentabilidade ambiental do Ceará.

O início da série de reuniões entre integrantes do Banco Mundial (Thomas Kenyon; Cristian Torres; José Guilherme Reis; Joseph Kizito; Gunars Platais e Anita Fior) ocorreu na manhã desta segunda-feira (12), na sala de reuniões da Secretaria de Planejamento e Gestão (SEPLAG) do Governo do Estado, sendo aberta por Phillipe Nottingham, secretário Adjunto da SEPLAG, que ressaltou a importância do evento. O Diretor Geral do Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (IPECE) e Coordenador da Operação SWAP III, professor Flávio Ataliba, fez considerações sobre o trabalho que vem sendo desenvolvido desde abril último na preparação da nova operação a ser contratada pelo Governo do Estado.

 

12.12.2011

Assessoria de Comunicação da Semace

Ana Luzia Brito ( comunicacao@semace.ce.gov.br / 85 3101.5554)

Twitter: @semace

Facebook: semace.gov