Ceará deve receber 57 mil turistas na Semana Santa

2 de Abril de 2015

Cerca de 57 mil turistas devem chegar ao Ceará via Fortaleza no feriadão da Semana Santa. O número representa um crescimento de 5% em relação ao mesmo período do ano passado, quando o Estado recebeu 53.990 visitantes. A estimativa é do Departamento de Estudos e Pesquisas da Secretaria do Turismo do Ceará (Setur). Para a economia estadual, a Setur prevê um impacto de R$ 64,6 milhões de receita direta, o que deve resultar em R$ 113,1 milhões de renda gerada na cadeia produtiva do turismo.

 

Semana Santa 2015

Agregados do Turismo no Ceará via Fortaleza – Período 02 a 06 de abril de 2015

 

Agregados Turísticos

Semana Santa

var
(%)

2014

2015

. Taxa de Ocupação Hoteleira (%)

75,20

77,00

2,4

. Demanda Hoteleira (Fortaleza)

      29.587

      30.841

4,2

. Demanda Turística via Fortaleza

      53.990

      56.694

5,0

. Gasto Percapita (R$)

   1.039,02

   1.140,00

9,7

. Oferta Hoteleira (UHs)

      10.754

      11.162

3,8

. Receita Turística (R$ milhões)

          56,1

         64,6

15,2

. Renda Gerada (R$ milhões)

          98,2

       113,1

15,2

Nota: a) Período estimado (2 a 6 de abril de 2015); b)Receita Turística obtida pelo produto entre demanda turística e o gasto percapita; e c) Renda gerada obtida pelo produto entre a receita turística e o multiplicador dos gastos turísticos no valor de 1,75.

 

Do total de visitantes, 30.841 devem utilizar os hotéis de Fortaleza e permanecer na Capital. A ocupação da rede hoteleira da Capital deve atingir 77%, distribuída em hotéis (79,2%), seguida por flats (77%), pousadas (65,5%) e albergues (62,9%). O local com maior ocupação hoteleira foi Guaramiranga, que lidera o ranking com 88,5%. A cidade serrana é seguida por Canoa Quebrada (85%), Jericoacoara (79,3%), Camocim (71,9%), Praia das Fontes/Morro Branco (68,9%) e Cumbuco (66,3%).

 

Para o coordenador de Estudos e Pesquisas da Setur, José Valdo Mesquita, esses números são reflexo de um trabalho constante de promoção do destino Ceará nos mercados prioritários, nacionais e internacionais. Além disso, ele aponta a alta valorização do dólar como um dos fatores da procura pelo Estado. “O dólar alto faz com que menos brasileiros viajem para fora do país. Ao mesmo tempo é fator atrativo para o fluxo de estrangeiros”, destaca Mesquita.

 

 

Taxa de Ocupação Hoteleira de Fortaleza e principais destinos

 

Categoria

(%)

Fortaleza (média)

    77,00

 . Hotéis

     79,27

 . Pousadas

     65,58

 . Flats

     77,07

 . Albergues

     62,98

Principais Destinos

    75,55

 . Canoa Quebrada

     85,00

 . Cumbuco

     66,30

 . Jijoca de Jericoacoara

     79,36

 . Porto das Dunas/Prainha

     68,78

 . Praia das Fontes/Morro Branco

     68,93

 . Camocim

     71,94

 . Guaramiranga

     88,53

Fonte: SETUR/CE: Pesquisa direta (Posição em 31/3/2015)                               

 

02.04.2015

 

 

Assessoria de Comunicação da Secretaria do Turismo do Ceará (Setur)
Yanna Guimarães
(85) 3195.0211 / 9921.1282
yanna.guimaraes@setur.ce.gov.br

 

Giselle Dutra
Gestora de Célula/Secretarias
(85) 9922.2712 / (85) 8801.2382

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado – Casa Civil
comunicacao@casacivil.ce.gov.br 
(85) 3466.4898