100 boas notícias em 100 dias: Educação, Ciência e Tecnologia

8 de Abril de 2015

Nesta quarta-feira (8), você conhece um pouco mais sobre a Educação, Ciência e Tecnologia no Ceará, em matéria especial da série sobre as 100 boas notícias dos 100 dias do Governo Camilo Santana. Ações que vêm mudando a vida de cearenses nos 184 municípios do Estado.

Educação, Ciência e Tecnologia

41) Governador anuncia concurso para professor efetivo nas universidade estaduais 

Um dos compromissos de campanha do governador Camilo Santana já começou a ser cumprido nos primeiros dias de seu governo: ao todo, 249 novos professores efetivos serão contratados por meio de concurso para a Universidade Estadual do Ceará (Uece), a Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA) e a Universidade Regional do Cariri (Urca). O anúncio aconteceu depois que o governador se reuniu com os reitores das instituições na primeira semana de janeiro. O grupo conversou também com alunos e representantes dos sindicatos das universidades (Sinduece, Sindiuva e Sindurca) e desta conversa surgiu a decisão de encerrar a greve nas universidades, que se arrastava desde de 2014.

42) 458 mil alunos matriculados na rede estadual de ensino 

Alunos Profissionalizantes1O processo de matrícula realizado pela Secretaria da Educação (Seduc) incluiu a confirmação dos alunos veteranos e a inscrição de novatos. E, embora o cronograma tenha sido concluído, a rede estadual continua a matricular: basta que a família do interessado verifique se a escola de sua preferência tem vagas disponíveis. Atualmente, os alunos cursam a metade do primeiro semestre do ano letivo de 2015, que se iniciou na última segunda-feira de janeiro. O calendário escolar é composto por 200 dias, conforme a Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB), e seguirá até final de dezembro. Para potencializar o ensino e a aprendizagem, alunos do Ensino Médio e profissionais da educação terão fortalecidas ações como Projeto Professor Diretor de Turma, ProEMI/Jovem de Futuro, a preparação dos alunos para o Enem, a Aprendizagem Cooperativa e o e-Jovem. A rede estadual de ensino do Ceará oferta prioritariamente o ensino médio, mas apoia os municípios do Ceará no atendimento dos alunos do ensino fundamental, onde for solicitada a colaboração.

43) Itapipoca ganha novo campus do IFCE

IFCEFoi inaugurado no final de janeiro o novo campus do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE), que oferta cursos técnicos e superiores. O investimento do Governo do Estado para o espaço chegou a R$ 11.081.381,75, com contrapartida de R$ 4.749.944,37 do Governo Federal. A unidade possui área construída de 4.442m² e conta com bloco didático com dois pavimentos, abrigando 10 laboratórios e 20 salas de aula. Inclui também bloco administrativo que abriga serviços a serem oferecidos à comunidade, além de auditório, biblioteca e sala de videoconferência. A estrutura do campus abrange ainda um segundo bloco didático para cursos da área industrial, com mais seis laboratórios, sala de aula e oficina de manutenção, bem como um ginásio poliesportivo coberto. Além de Itapipoca, estudantes de outros municípios do Litoral Oeste e da Zona Norte do estado serão beneficiados diretamente com o novo campus, tais como Itapajé, Irauçuba, Tururu, Uruburetama, Miraíma e Amontada. O objetivo é que a área de abrangência do campus alcance também a demanda do Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CIPP).

44) Inauguração de Escola de Ensino Médio em Tianguá 

EscolaEMTianguáOs jovens da localidade de Cajuaçu, no município de Tianguá, no Chamado Cinturão Verde da Ibiapaba, passaram a contar com a Escola de Ensino Médio Miguel Carneiro da Cunha. O governador Camilo Santana fez questão de comparecer à inauguração da unidade, que recebeu aporte financeiro no valor de R$ 3 milhões, oriundos dos governos estadual e federal. A Escola tem área construída de 3.456,90m², com seis salas de aula com capacidade para atender até 540 estudantes nos turnos manhã e tarde. Ainda conta com biblioteca, laboratórios de Línguas, Informática e de Ciências (Química, Biologia, Física e Matemática), sala para o grêmio estudantil e quadra poliesportiva. A nova EEM ficou sob a responsabilidade da Coordenadoria Regional de Desenvolvimento da Educação (Crede) 5, sediada em Tianguá e que é composta por 36 escolas espalhadas pelos municípios da região.

45) Projeto e-Jovem recebe novos estagiários educadores em 87 municípios

Ejovem Banner1A seleção realizada pela Secretaria de Educação do Estado teve como objetivo a formação de um banco de educadores, com vagas ofertadas para as disciplinas de Informática e Educação Empreendedora, em 87 municípios cearenses, incluindo Fortaleza. A iniciativa oferece formação complementar em Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) a jovens egressos e alunos do Ensino Médio das escolas públicas da rede estadual e alunos dos 8º e 9º anos do Ensino Fundamental das escolas públicas das redes municipais, possibilitando a qualificação e a consequente inserção no mundo do trabalho, enfatizando o protagonismo juvenil e o empreendedorismo.

46) Maiores de 18 anos podem receber certificação a partir dos resultados do Enem 

enemEm 2014, 199.632 alunos dos 2º e 3º anos e da Educação de Jovens e Adultos da rede estadual de ensino no Ceará se inscreveram no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Agora, os participantes do exame que indicaram a Secretaria da Educação do Estado do Ceará (Seduc) como instituição certificadora dessa última etapa da educação básica, devem procurar um dos 32 Centros de Educação de Jovens e Adultos (Cejas) da rede estadual de ensino. Para a obtenção do documento, é preciso ter 18 anos ou mais na data da realização da primeira prova do Enem; ter atingido o mínimo de 450 pontos em cada uma das áreas de conhecimento e o mínimo de 500 pontos na redação. Para o requerimento da certificação no Ceja, é necessário entregar cópia do RG, CPF, comprovante de endereço e uma foto 3×4. Desde 2009, o Ministério da Educação ampliou os objetivos do Enem e incluiu a certificação para as pessoas com idade a partir de 18 anos que ainda não tenham concluído o Ensino Médio.

47) Ceará ganha unidade da Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial 

embrapiiA Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii) conta desde março com mais cinco institutos federais, que se juntam a outras 13 unidades já conveniadas à entidade e focadas em atender demandas específicas da indústria. Um deles é o Instituto Federal do Ceará que está atuando como centro de pesquisa nas áreas de sistemas embarcados e mobilidade digital. A Emprabii foi criada em 2013 com o objetivo de estreitar a distância entre a geração de conhecimento e o setor produtivo. Para os próximos três anos, conta com investimento total de R$ 86,8 milhões para os novos cinco centros. Os centros de pesquisa têm a missão de suprir “gaps de competência das empresas” e, assim, acelerar o processo de inovação no setor produtivo. Entre os projetos em andamento estão o desenvolvimento de nanopartículas para cimento dentário pelo Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) para a Angelus, fabricante de produtos odontológicos, e a criação de um aço especial resistente pelo Instituto Nacional de Tecnologia (INT) para que a Vallourec substitua o material importado por um equivalente nacional.

48) UECE oferece mestrado pioneiro em Biotecnologia em Saúde Humana e Animal 

394644mestrado em bioCom quase 40 anos de fundação, a Universidade Estadual do Ceará (UECE) inova mais uma vez: irá abir inscrições para o Mestrado Profissional pioneiro em Biotecnologia em Saúde Humana e Animal (MPBiotec). Com conceito 4 da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), o MPBiotec oferece 40 vagas e visa formar mestres nesta a?rea para suprir a deficie?ncia em pessoal qualificado para estudos e desenvolvimento de produtos, com concentração em Biofármacos e Bioderivados. O curso nasceu de demandas vindas especialmente da classe médica, em virtude da biotecnologia ser o futuro da indústria farmacêutica no mundo, enquanto que no Brasil esta área ainda caminha para consolidar seu mercado doméstico e ser referência internacional. As inscrições para os interessados serão iniciadas no mês de outubro.

49) Único clone ovino do Brasil gerado na UECE está prenhe

clone ovinoA ovelha da raça Santa Inês, nascida no dia 12 de maio de 2014, está gerando um filhote. O único clone ovino do Brasil foi produzido na Faculdade de Veterinária da Universidade Estadual do Ceará (UECE), como resultado de uma parceria científico-tecnológica entre os professores e pesquisadores da UECE, Ana Paula Rodrigues e José Ricardo de Figueiredo, e os professores da McGill University de Montreal, Canadá, Vilceu Bordignon e Hernan Baldassarre. A borrega está com pouco mais de 10 meses de idade, passa bem e o parto está sendo esperado para o início do segundo semestre de 2015. A pesquisa conta com o apoio da Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Funcap), por meio do Programa de Cooperação Internacional. Os experimentos para a produção do clone foram realizados durante os anos de 2013 e 2014, no Laboratório de Manipulação de Oócitos e Folículos Ovarianos Pré-antrais (LAMOFOPA)

50) Universidade Regional do Cariri realiza vestibular para 16 cursos

UrcaTerminam nesta quinta-feira (9), as inscrições para o Processo Seletivo Unificado 2015.1 da Universidade Regional do Cariri (URCA) visou preencher vagas nas Unidades Descentralizadas de Iguatu, Missão Velha e Campos Sales. O resultado das inscrições deferidas e indeferidas sairá no dia 23 de abril através do site cev.urca.br/vestibular. A aplicação das provas do Processo Seletivo acontece nos dias 13 e 14 de junho, no horário das 13 horas às 17 horas, em Crato, Campos Sales, Iguatu, Juazeiro do Norte e Missão Velha. O resultado do Vestibular sairá no dia 10 de julho.

08.04.2015

Sabrina Lima
Gestora de Célula/Secretarias
sabrina.lima@gabgov.ce.gov.br / (85) 9128.1288

 

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado
Casa Civil
comunicacao@casacivil.ce.gov.br / (85) 3466.4898