Entra em vigor nova Lei do Piso dos Professores sancionada pelo governador Camilo Santana

10 de julho de 2015

“Não há uma área mais essencial para o futuro, para as oportunidades, para mudarmos a vida do cearense, do que a educação. Nós sabemos que ainda temos muito a avançar, ainda temos um longo caminho para garantir a melhor educação que o nosso povo trabalhador merece. Mas a nova Lei do Piso dos Professores é um ótimo começo!”, celebrou o governador Camilo Santana ao sancionar a medida no auditório do Palácio da Abolição na manhã desta sexta-feira (10). Ela iguala o salário base dos docentes da rede pública do Ceará ao piso nacional da categoria. Cerca de 48.842 profissionais são beneficiados com o reajuste total de 13,01%, com correção será retroativa ao mês de janeiro de 2015. A nova lei entra em vigor a partir de hoje.

Professores, representantes de associações e sindicatos da categoria lotaram o espaço para presenciar o momento histórico, resultado de uma luta antiga. “Enquanto no Brasil nós vemos um movimento de recuo ou de congelamento, aqui no Ceará o Governo só avança ao reconhecer a importância da valorização da categoria, garantindo o piso dos professores”, destacou Anízio Melo, presidente do Sindicato Apeoc. Em 2015, o Governo do Estado também concedeu auxílio alimentação para todos os docentes da rede estadual, nomeou mais 212 novos professores e prorrogou o concurso público da categoria. “Esse momento representa o esforço de um Governo para tornar essa conquista uma realidade. Durante as negociações, foi estabelecido um nível crescente de confiança entre a categoria e as secretarias da Educação, da Fazenda, do Planejamento, a Procuradoria Geral do Estado, gerando enfim um processo vitorioso”, comemorou a vice-governadora do Estado Izolda Cela.

O líder do Governo Federal na Câmara, deputado José Guimarães, também festejou o avanço no Ceará. “Não tem um estado na federação que tenha enfrentado com tanta altivez e diálogo a questão da educação como o nosso! Isso é algo para se comemorar e para servir de exemplo!”.  A repercussão vale para a tabela de professores de nível médio e superior ativos, inativos, pensionistas e temporários. Assim, o vencimento inicial de um docente que começa a trabalhar na rede pública cearense fica em R$ 2.840,16, que é a soma do piso salarial mais duas gratificações fixas.

“Mais dignidade”

Rpersoprof4Hilcélia Sabóia Parente, professora concursada do Estado há 11 anos, destaca que o reconhecimento é essencial para o estímulo no exercício da profissão. “Vejo essa Lei do Piso como um reconhecimento profissional. É uma valorização do professor, do nosso potencial em sala de aula. Com o piso salarial equiparado, nos dá mais dignidade para viver, como mulher, como mãe. Isso melhora também a nossa auto-estima e nos estimula a motivar nossos alunos a ingressar no magistério. Eu tenho alunos que foram aprovados nesse último concurso para professor e isso nos deixa muito orgulhosa. É a prova concreta que a profissão está sendo valorizada pelo Governo do Estado, afinal, é da sala de aula que vão surgir os novos profissionais da educação e das demais áreas do conhecimento”, disse.

Rpersoprof2A opinião é compartilhada por João Soares, professor concursado do Estado há 15 anos. “O piso salarial para mim siginifica mais do que a valorização docente, mas a possibilidade para que as pessoas que trabalham na escola possam ter mais tranquilidade de, além de pagar as contas, ter o seu trabalho reconhecido”, disse.

Rpersoprof3Yuri Harlen Vasconcelos, professor do Estado há 8 anos, vê o momento como algo importante para a nova geração de educadores. “A sanção do piso dos professores representa um estímulo aos novos profissionais a estarem aptos a seguirem no magistério. O Governo do Estado está de parabéns por reconhecer que o trabalho do professor é essencial para construir uma nação mais justa, mais digna. Nós acreditamos muito que esse é um pontapé para esse reconhecimento, pois um mundo melhor se faz com professores motivados. Acreditamos que muita coisa boa ainda está por vir”, disse.

10.07.2015

Thiago Sampaio
Repórter/Célula de Reportagem

Sabrina Lima
Gestora de Célula/Secretarias

Coordenadoria de Imprensa da Casa Civil
Governo do Estado do Ceará
(85) 3466.4898