Artur Menezes é atração deste sábado, 30/1, no Anfiteatro do Dragão, ao lado de André de Sousa

30 de janeiro de 2016

Um encontro de dois grandes nomes da guitarra na atualidade e um reencontro do público cearense com um dos mais destacados nomes da nossa cena, com repercussão nacional. Assim será a noite deste sábado, 30/1, no Anfiteatro do Centro Dragão do Mar, com o show dos guitarristas André Menezes (CE) e André de Sousa (PI). Artur chega para mostrar um repertório abrangente, com destaque para seu disco mais recente “Drive me”, seguindo no caminho de mesclar outras influências com o blues, um estilo mais moderno e verdadeiro. Já André de Sousa mostra uma prévia de canções de seu novo disco, “Mojo Blues e Patuá”, a ser lançado em breve.

Com “Drive Me”, Artur Menezes deixa claro que não é mais um “guitarrista que canta”, mas sim um guitarrista, cantor e compositor. O disco mostra também uma evolução na técnica e nos arranjos. As músicas são muito bem construídas e criativas. As letras estão cada vez mais maduras, mas sem perder o caráter sexy, romântico, irônico e brincalhão sempre presente em seus discos. Na última faixa, uma surpresa: Artur Menezes canta em português. Versão acústica de “Cartão Postal”, música de Rita Lee e Paulo Coelho.

Em 2015, dentre outros festivais e shows, Artur se destacou no lançamento do CD “Drive me” em Fortaleza, no próprio Anfiteatro do Dragão, e no Rio das Ostras Jazz & Blues Festival (considerado o maior festival do gênero na América Latina), no qual fez dois shows.
Agora, o guitarrista que já lançou os discos “Early to marry” e “#2” continua com a turnê do CD “Drive Me”, com sua carreira internacional e seu projeto de música instrumental. Aos 30 anos de idade e 13 de carreira, Artur Menezes não só toca guitarra, mas compõe e interpreta de uma forma tão peculiar que impressiona até os grandes mestres.

André de Sousa

Guitarrista, compositor, arranjador e professor de música em Teresina, Piauí, André de Sousa dedica-se profissionalmente a seu ofício desde 1996. Considerado o maior expoente da guitarra blues do Piauí e um dos maiores do Nordeste, André de Sousa atuou como “sideman” de incontáveis artistas e bandas, subiu ao palco ao lado de músicos do mundo inteiro nas mais diversas ocasiões, em shows e festivais, sobretudo no Nordeste. O popular Andrezinho é artista plural, virtuose, sensível e extremamente produtivo. Foi músico de confiança do grande pianista brasileiro Luizão Paiva, com quem iniciou os estudos de jazz. Apresentou-se com craques como Pascoal Meireles, Ney Conceição e Nélio Costa.

Só que o blues sempre foi o grande “pride and joy” do artista, o que o levou a tocar com grandes músicos de cunho nacional e internacional, como Kenny Brown (EUA), Jefferson Gonçalves, Fernando Noronha, Andreas Kisser, Vasco Fae, Donny Nichilo (EUA), Celso Blues Boy, André Matos, Atiba Taylor (EUA), Greg Wilson (Blues Etílicos), Danny Vincent. Participou juntamente com os grandes guitarristas Artur Menezes (CE), Fernando Noronha (RS) e Fred Sun Walk (SP) do Guitar Night, dentro da programação do OI Blues by Night, no Órbita Bar, em Fortaleza (CE).

Já participou de importantes festivais no Piauí e Ceará, entre eles o “Teresina é Pop”, “Teresina Rock”, “Rock Cordel Teresina”, “Rock Cordel Ceará”, realizado em Fortaleza no Anfiteatro do Centro Dragão do Mar, em janeiro de 2012; “Barra Jazz & Blues Festival” e o “Festival da Música Instrumental de Fortaleza” no CCBNB; foi headline da edição 2014 do “Festival de Inverno de Pedro II”, realizado na cidade de Pedro II, Piauí. Participou também da edição de agosto de 2014 do “Casa do Blues”, no Estoril e do “Festival de Jazz e Blues de Guaramiranga” de 2015, na famosa serra no Ceará; e do “Fest Bossa & Jazz”, em agosto de 2015, no Rio Grande do Norte.

Preocupado em assumir o sotaque local no blues, lançou em agosto de 2012 o seu primeiro CD gravado ao vivo no Palácio da Música, em Teresina-PI. O repertório do CD é formado de composições de própria autoria, além de releituras inusitadas como “Respeita Januário”, do mestre do baião Luiz Gonzaga. O segundo CD – e primeiro de estúdio – chamado “Mojo Blues e Patuá” está em fase de finalização e será lançado em janeiro de 2016.

SERVIÇO

Artur Menezes e André de Sousa. Show sábado, 30/1, às 20h, no Anfiteatro. Ingressos: R$ 30 e R$ 15 (meia).

Foto: Divulgação/Ana Lu Grosso

30.01.2016

Assessoria de Imprensa da Secult
Dalwton Moura, Clovis Holanda
85 3101-6761

Giselle Dutra
Gestora de Célula / Secretarias

Coordenadoria de imprensa do Governo do Estado
Casa Civil
comunicacao@casacivil.ce.gov.br / 85 3466.4898