Secult lança Edital de Ocupação do Teatro Carlos Câmara nesta terça (5)

4 de julho de 2016

A Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult) promove no dia 5 de julho, às 14h30, no palco principal do Teatro Carlos Câmara (TCC), um debate sobre o funcionamento e as possibilidades de ocupação artística e cultural do teatro, localizado na Rua Senador Pompeu, 454, Centro de Fortaleza. Intitulado “Vai, Carlos, ser…”, em referência ao famoso poema de Carlos Drummond de Andrade, e destacando o processo coletivo de busca de contribuições para as futuras ações do equipamento cultural, o debate contará com a participação do secretário da Cultura do Estado do Ceará, Fabiano dos Santos Piúba, do diretor do Teatro Carlos Câmara, Fernando Piancó, e do premiado ator e dramaturgo Ricardo Guilherme, fazendo uma fala inicial sobre Carlos Câmara – o autor e o teatro.

Na ocasião, a Secretaria lançará o Edital de Ocupação Artística e Cultural do Teatro Carlos Câmara, com investimento de R$ 400 mil do Governo do Estado, por meio da Secretaria da Cultura. O edital visa selecionar um projeto de ocupação para o teatro, com a finalidade de dinamizar e qualificar ainda mais o funcionamento e a programação do TCC junto aos artistas, grupos, organizações culturais e espectadores, compartilhando com a sociedade o processo de curadoria e funcionamento do teatro. Também participam do lançamento e do debate a secretária adjunta da Cultura do Estado do Ceará, Suzete Nunes, e a coordenadora de Ação Cultural da Secult, Valéria Cordeiro.

Entre os objetivos que o projeto selecionado precisará atender estão ampliar e diversificar a oferta de produtos, serviços e atividades artístico-culturais cearenses nos espaços e na programação do TCC, promover a formação de público, incentivar a sustentabilidade de artistas, grupos, coletivos, companhias e demais profissionais e empreendimentos culturais de Fortaleza e regiões do Estado, consolidar o TCC como espaço de referência para experimentação artística no âmbito da cultura cearense. E ainda contribuir com as políticas de requalificação do Centro de Fortaleza, por meio de ações que envolvam e beneficiem as comunidades do entorno do TCC, além de colaborar com o desenvolvimento do circuito turístico-cultural da cidade de Fortaleza, por meio da oferta de espetáculos cearenses de excelência no palco do Carlos Câmara.

Ocupação plural

A proposta de ocupação deverá ser realizada de agosto de 2016 a março de 2017 e poderá contemplar múltiplas linguagens artísticas e distintas manifestações populares e culturais, em sintonia com a política cultural do Estado.

A direção do Teatro Carlos Câmara trabalhará em conjunto com a instituição responsável pelo projeto selecionado e terá o papel de aprovação, acompanhamento e avaliação do programa proposto e participação na curadoria de artistas, coletivos e atividades.

A instituição selecionada deverá garantir contrapartida em bens e serviços equivalente a no mínimo 10% do orçamento proposto, somados ao aporte de R$ 400 mil investidos pelo Governo do Estado/Secult no edital de ocupação do TCC.

“Vai, Carlos, ser…”: debate e construção coletiva

O debate “Vai, Carlos, ser…”, realizado na terça-feira, 5 de julho, tem o propósito de reunir artistas, criadores, produtores e o público em geral, para uma troca de ideias sobre o funcionamento e a proposta de ocupação artística do TCC.

O objetivo do encontro é dialogar, ampliar e fortalecer o contato com coletivos artísticos, produtores culturais, experiências artísticas e estéticas, entre outras interlocuções possíveis. O evento é aberto à participação de todos os interessados, e a Secult reforça a importância da presença de todos que desejam contribuir com as ações do Teatro Carlos Câmara, com sugestões, críticas e propostas.

SERVIÇO:

“Vai, Carlos, ser…”. Debate sobre o Teatro Carlos Câmara e lançamento do Edital de Ocupação Artística e Cultural 2016/2017.

Terça-feira, 5 de julho, às 14h30.

No palco principal do Teatro Carlos Câmara (Rua Senador Pompeu, 454, Centro)

Participação do secretário da Cultura do Estado do Ceará, Fabiano dos Santos Piúba, do diretor do Teatro Carlos Câmara, Fernando Piancó, e do ator e dramaturgo Ricardo Guilherme.

Entrada franca.

04.07.2016

PRESS-RELEASE – SECRETARIA DA CULTURA DO ESTADO DO CEARÁ – SECULT

Entrevistas/mais informações:

(85) 98699-6524 – Dalwton Moura
(85) 98824-0994 /- Lucas Benedecti
secultmkt@gmail.com

Assinatura coornenadoria matérias