Curso capacita farmacêuticos na preparação de fitoterápicos

16 de agosto de 2016

Estão abertas as inscrições para o Curso de Farmacotécnica de Fitoterápicos que o Núcleo de Fitoterápicos (Nufito), da Secretaria da Saúde do Estado, realizará nos dias 26 e 27 deste mês de agosto. O curso é para farmacêuticos das secretarias municipais de saúde que trabalham com preparação de fitoterápicos nas farmácias vivas. As inscrições podem ser feitas pelo e-mail nufito@saude.ce.gov.br ou pelo telefone (85) 3101 4364. O curso oferece 20 vagas e será realizado mensalmente, até que sejam contempladas as 74 secretarias municipais de saúde que mantêm farmácias vivas. A carga horária de 16 horas inclui a parte prática, com preparação de xaropes, pomadas, tinturas, entre outros fitoterápicos.

Quando bem utilizadas e administradas por profissionais capacitados, as práticas naturais e complementares de saúde podem trazer grandes benefícios. O Nufito presta apoio técnico-científico e faz capacitação de pessoal para promover a fitoterapia em saúde pública no Ceará. As 30 espécies que integram a Relação Estadual de Plantas Medicinais (Replame) produzem fitoterápicos indicados como tranquilizantes, broncodilatadores, antissépticos, cicatrizantes, antiinflamatórios entre outras indicações. Plantas tradicionais da flora regional já são utilizados na produção dos fitoterápicos, entre elas babosa, capim santo, eucalipto, pau d’arco, confrei, romanzeira, malvariço, malva santa, alfavaca, aroeira, maracujá e goiabeira.

O Ceará foi pioneiro na regulamentação utilização, pelo SUS, de plantas medicinais, fitoterápicos e serviços relacionados à fitoterapia. Decreto publicado no Diário Oficial do Estado, em janeiro de 2010, autorizou a Secretaria da Saúde “a implantar a política de incentivo à pesquisa, o desenvolvimento tecnológico, a produção e a inovação de produtos fitoterápicos, a partir da biodiversidade regional”. A política abrange plantas medicinais nativas e exóticas adaptadas, amplia as opções terapêuticas aos usuários do SUS, e ainda prioriza as necessidades epidemiológicas da população.

16.08.2016

Assessoria de Comunicação da Sesa
Selma Oliveira / Marcus Sá / Helga Rackel (selma.oliveira@saude.ce.gov.br / 85 3101.5221 / 3101.5220)
Twitter: @SaudeCeara
www.facebook.com/SaudeCeara

Expediente imprensa2-01