Cuidado com a mãe que amamenta é foco de curso no Hospital César Cals

16 de novembro de 2016

Para oferecer um serviço com qualidade e capacidade técnica, o banco de leite do Hospital Geral Dr. César Cals, da rede pública do Governo do Estado, continuamente destina aos profissionais do HGCC cursos de qualificação e atualização das técnicas de promoção do aleitamento materno. O “Curso de Atualização das Normas, Promoção, Proteção e Apoio ao Aleitamento Materno”, destinado aos profissionais da maternidade, que lidam diretamente com a mãe e com o bebê, como alojamento conjunto, salas de parto, neonatologia, Método Canguru e casa da gestante, acontece desde outubro.

Toda segunda-feira, no período da manhã e tarde, duas turmas participam do curso, que tem duração de 20 horas/aula. Conforme explica Rejane Santana Brito, coordenadora do banco de leite, a ênfase dessa abordagem é a mãe, que é considerada protagonista no aleitamento materno. Ela afirma que a é preciso conhecer cada tipo de mãe e dessa forma oferecer uma atenção específica. “Nesse curso, os profissionais de saúde adquirem habilidades para lidar com as diversas situações, como a mãe internada, a mãe que passou por pato normal, parto cesariana, mães adolescentes, mães de primeira vez, mães de prematuros, mães cardíacas, diabéticas e hipertensas”, explica. Uma vez por semana, médicos, enfermeiros, técnicos em enfermagem, assistentes sociais, participam das rodas de conversa sobre aleitamento materno.

Cuidados com a mãe e o bebê

Há quase dois meses, a filha de Jamile da Silva da Costa, está internada no Hospital César Cals. Ela nasceu prematura, passou um mês e vinte dias na UTI Neonatal e agora, há pouco mais de uma semana, a pequena Catarina está recebendo os cuidados no berçário de médio risco. A atenção destinada à recém-nascida passa também pela mãe, que vem diariamente ao hospital para participar dos cuidados com a filha, especialmente para ir ao banco de leite, onde faz a ordenha. Na tarde desta segunda-feira, quando foi fazer a última retirada de leite do dia, Jamile contou que o apoio recebido pelos profissionais do hospital, em todas as etapas, foi o diferencial para fazê-la se adaptar ao novo momento. “Quando cheguei, pensei que não tivesse leite. Mas elas me explicaram tudo, a maneira correta para eu amamentar, para retirar o leite. Recebi apoio técnico e também psicológico,” lembra.

É dessa maneira que o conteúdo abordado procura informar e atualizar sobre o acolhimento da mãe, a pega correta da mama, a posição correta para o bebê, como retirar o leite, com fazer a coleta manual e como acondicionar o leite, importância da amamentação exclusiva, além de saber como ajudar as mães dependendo de cada caso, entre outros assuntos. Rejane conta que a qualificação é uma estratégia que busca renovar os conhecimentos sobre o aleitamento e favorecer a disseminação, que deve ser constante, e o cumprimento dos dez passos da Iniciativa Hospital Amigo da Criança.

Até o momento, 50 profissionais já participam do curso. Até o ano que vem, o banco de leite pretende dar continuidade ao curso, que é realizado conforme a necessidade de aprimorar os conhecimentos técnicos. Todos transmitindo a mesma informação passam segurança para as mães. Jamile lembra que sempre recebeu o mesmo cuidado e a mesma informação, seja no período da manhã, como no período da noite “A forma de explicar faz a diferença. O que eu aprendi pela manhã, aprendi também à noite”, conclui.

O banco de leite do Hospital Geral Dr. César Cals funciona 24 horas por dia, todos os dias da semana. É referência estadual na promoção das políticas de aleitamento materno. Os profissionais do HGCC estão capacitados e prontos para atender e dar informações sobre aleitamento materno, tanto para mães internas, como também para mães externas. Por meio do número gratuito 0800 286 5678, as informações sobre aleitamento materno e doação de leite são passadas diariamente sempre que uma mãe, parente ou amigo liga pedindo informações. O atendimento também é feito no próprio banco que fica na Avenida Imperador, 545, Centro de Fortaleza.

Iniciativa Hospital Amigo da Criança – IHAC

A Iniciativa Hospital Amigo da Criança (IHAC) foi desenvolvida pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em parceria com o Unicef, com o objetivo de promover, proteger e apoiar o aleitamento materno. As instituições certificadas devem adotar os “Dez Passos para o Sucesso do Aleitamento Materno”, como maneira de diminuir o acentuado número de Desmame precoce.

Conheça os Dez Passos para o Sucesso do Aleitamento Materno

1 – Ter uma norma escrita sobre aleitamento materno, que deve ser rotineiramente transmitida a toda a equipe do serviço.
2 – Treinar toda a equipe, capacitando-a para implementar essa norma.
3 – Informar todas as gestantes atendidas sobre as vantagens e o manejo da amamentação.
4 – Ajudar a mãe a iniciar a amamentação na primeira meia hora após o parto.
5 – Mostrar às mães como amamentar e como manter a lactação, mesmo se vierem a ser separadas de seus filhos.
6 – Não dar a recém-nascido nenhum outro alimento ou bebida além do leite materno, a não ser que tenha indicação clínica.
7 – Praticar o alojamento conjunto – permitir que mães e bebês permaneçam juntos 24 horas por dia.
8 – Encorajar a amamentação sob livre demanda.
9 – Não dar bicos artificiais ou chupetas a crianças amamentadas.
10 – Encorajar o estabelecimento de grupos de apoio à amamentação, para onde as mães devem ser encaminhadas por ocasião da alta hospitalar.

16.11.2016

Assessoria de Comunicação do HGCC
Wescley Jorge
ascom@hgcc.ce.gov.br /
Facebook.com/HospitalGeralCesarCals
Twitter: @Hosp_CesarCal